Ação para restabelecer direitos está em curso

Os procedimentos jurídicos para restabelecer os nossos direitos estão em curso. O objetivo é restabelecer os direitos que Celpa Equatorial retirou unilateral e indevidamente dos trabalhadores e trabalhadoras, motivada pela vontade de punir a categoria, que rejeitou sua proposta no final de dezembro do ano passado.
A ação judicial, além de solicitar o devido restabelecimento dos direitos que são garantidos pelo acordo coletivo de trabalho, pede ainda que a empresa seja multada pelo descumprimento de sete cláusulas do acordo coletivo: piso salarial, vale-alimentação, vale-natalício, auxílio-creche, auxílio-matrícula, auxílio-funeral e adicional de quilometragem. A multa por descumprimento dessas cláusulas está prevista no acordo, na cláusula 47 e o valor da multa a ser pago pela Celpa Equatorial será revertido, conforme o ACT, em favor dos trabalhadores.


Imprimir