Na luta contra a privatização da Eletrobras/Eletronorte

Na luta contra a privatização da Eletrobras/Eletronorte

O Sindicato dos Urbanitários do Pará está na luta pela permanência da Eletrobras e suas subsidiárias, entre as quais a Eletronorte, públicas e servindo ao povo brasileiro. Lamentavelmente a MP 1031/2021 do governo federal, que visa privatizar a Eletrobras foi aprovada no dia 19 de maio pelos deputados federais (313 votos favoráveis e 166 contra) e agora tramita no Senado. Nossa mobilização política e social tem sido intensa. Temos feito corpo a corpo entre os senadores/as explicando as péssimas consequências da privatização ao povo, à empresa (a maior do Brasil e da América Latina) e à nação brasileira, que perderá riqueza, soberania, tecnologia e patrimônio público. Não temos dúvida que se privatizar a tarifa vai aumentar e teremos apagões, como ocorreu no Amapá, onde a energia é privatizada e o Estado foi socorrido pelos técnicos da estatal Eletronorte.

O governo Bolsonaro é entreguista e trabalha claramente contra o povo brasileiro, por isso temos intensificado a luta, não só no Congresso Nacional, mas nas redes sociais e demais mídias. A luta continua, vamos em frente!