Diga não ao TOC!

Rejeite a proposta desrespeitosa da empresa
Na quarta-feira, 3, por iniciativa dos sindicatos, tivemos mais uma reunião com a Celpa Equatorial para tratar da data-base 2017 e demais pontos.
Apesar da disposição das entidades representantes dos trabalhadores de buscar um acordo em mesa de negociação, a empresa manteve sua posição de intransigência.
Inclusive na reunião da semana passada, um dos negociadores da empresa passou mal e precisou se retirar da reunião.
A causa é notória: crise de TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo) pelo LUCRO em plena reunião com os sindicatos, ninguém merece!.
Surtos à parte, o que nos anima é o posicionamento da empresa em mesa, onde um dos seus representantes afirmou que a empresa não vai modificar sua posição, considerando que a proposta ainda não foi apreciada pelos trabalhadores. Veja a seguir trecho da Ata da Reunião do dia 3/1/18:
“A Celpa esclareceu que está disposta a ouvir qualquer proposta apresentada pelos sindicatos com o intuito de buscar a solução em mesa, contudo não pode assumir qualquer compromisso de transigir ou modificar sua posição, considerando que a proposta global apresentada até o momento não foi deliberada pela categoria”.
Ou seja, caso a categoria rejeite a proposta da empresa em assembleia, as negociações poderão ser retomadas pelas partes.
Diante dessa posição, nos comprometemos em colocar em deliberação a íntegra da proposta apresentada pela Celpa Equatorial na reunião do dia 22/12/17.
Essa proposta inclusive vem sendo divulgada nos informativos da categoria.
Sexta-feira de muito TOC
Estamos diante de uma verdadeira guerra. De um lado a empresa (diretores, gerentes e executivos) com surto de Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC) pelo lucro e do outro, trabalhadores e trabalhadoras buscando dignidade para si e para suas famílias.
E nessa guerra, a sexta-feira passada (5) foi de muita pressão. Gerentes e executivos reuniram trabalhadores no auditório da empresa para tentar “fazer a cabeça deles” pela aprovação da proposta da empresa.
Aqui vale um aviso: CUIDADO, o TOC é altamente contagioso, bastando o convívio com os surtados para contrair essa enfermidade mental. Não se deixe contaminar, pois temos a arma para essa doença, O VOTO SECRETO.
Até os gerentes são demitidos
Mas, falando em executivos e gerentes, na semana passada a empresa demitiu um grupo de sete empregados. Desta vez acertaram quatro executivos e três gerentes. E veja só, nesse pacote de ano novo a Celpa Equatorial mandou embora a pessoa que respondia pela área de gente. O ‘foco em gente’ vai de mal a pior.